A Adega
A Adega Mayor estende-se ao longo de 350 hectares de montado de azinho, galerias ribeirinhas e campos agrícolas.

No topo do terraço panorâmico, avista-se, na linha do horizonte, a vinha, o olival da Herdade, Espanha e a Serra de Portalegre. Com um olhar contemporâneo reinventa-se a arte de bem viver.

Uma referência arquitetónica a nível mundial, que distingue e eleva a herança vinícola da região do Alentejo. Um edifício cuja complexidade foi caiada de branco para elevar a simplicidade e fundir-se com a paisagem.

MISSÃO
CELEBRAR A VIDA E A CULTURA PORTUGUESA ATRAVÉS DE VINHOS E PESSOAS,
COM O COMPROMISSO DE ENTREGAR ÀS PRÓXIMAS GERAÇÕES
UMA TERRA MELHOR DO QUE AQUELA QUE HERDÁMOS.



VISÃO
SER UMA EMPRESA INSPIRADORA
NO SECTOR VITIVINÍCOLA E NÍVEL MUNDIAL.

POLÍTICA DE QUALIDADE

Ao longo dos anos, a Adega Mayor tem afirmado o seu compromisso de melhoria contínua, quer através do aumento e da especialização da sua equipa, quer através da adaptação da Adega aos parâmetros qualitativos que pretende alcançar e manter, com vista a garantir de forma consistente um resultado de excelência.

Na Adega Mayor é valorizada a continuidade de um negócio responsável, pelo que, estando consciente do impacto ambiental da sua atividade, assume um compromisso claro de contribuir para o desenvolvimento sustentável do seu negócio, através de boas práticas ambientais. [Saiba mais]

PRIMEIRA ADEGA DE AUTOR EM PORTUGAL
Foi nesta paisagem que o arquiteto Siza Vieira, aplicou o seu traço — simples, depurado, essencial. Essas foram as linhas que deram vida à Adega Mayor.

No interior convivem espaços amplos dedicados à produção e armazenamento, com salas que convidam à prova dos vinhos e às conversas que eles inspiram.

Manifesto Adega Mayor
Ser mayor é...
Saber que um sorriso pode conquistar o mundo.
Ter orgulho nas nossas raízes e o mundo como horizonte.
Acreditar que o difícil é diferente do impossível saber que na nossa mesa cabe sempre mais um.
Não fazer um vinho que não possamos oferecer a um amigo.
Acreditar na beleza da simplicidade e na riqueza da curiosidade.
Sonhar para criar novos caminhos com a certeza da incerteza.
Saber que com vagar se vai mais longe.
Ser um eterno aprendiz da natureza.

Entrar na Adega